IL QUADERNO DI Héctor Ruiz Velázquez

Héctor Ruiz Velázquez - RuizVelázquez | Architecture and Design - Madrid/Dubai

1 – Quem é Héctor Ruiz Velázquez?

Arquiteto com mestrados nas universidades de Virgínia, Harvard e Columbia. Nascidoem Porto Ricoe radicado em Espanha desde 1992.

2 – Quando descobriu que queria ser arquiteto?

Desde sempre. A minha afinidade sensorial com o espaço manifestou-se cedo, já nos primeiros anos de escola.

3 – Uma referência na arquitetura…

Tudo o que nos rodeia: a natureza, a História e o próprio ser humano.

4 – Se não fosse arquiteto, ter-se-ia dedicado a…?

Teria sido seguramente piloto comercial. Estive na força aérea um ano.

5 – Um defeito e uma virtude.

Talvez a minha paixão pelo trabalho possa ser considerada como um defeito pelo meu círculo mais chegado. Uma virtude, a minha dedicação às coisas de que gosto.

6 – Como é a sua casa?

Habitável, branca, cómoda, funcional, emocional, para viver em família e com os amigos.

7 – O domingo é o dia para…

Partilhar com os meus filhos, a minha mulher e os meus amigos.

8 – Um lugar onde procure inspiração.

No ambiente que me rodeia, nas minhas viagens.

9 – Qual foi o último livro que leu?

“Por qué importa la arquitectura?” de Paul Goldberger.

10 – Daqui a 15 anos…

Saíde, trabalho e novos desafios pelo mundo.

11 – Quando pensa em arquitetura, o que lhe vem à cabeça?

A arquitetura é em si mesma uma forma de pensamento que se adapta a cada experiência de vida.

12 – Lápis ou computador?

Lápis, sem dúvida, para me exprimir através do traço, do gesto. Tenho uma amiga que recolhe os meus desenhos onde os encontra.

13 – Como definiria o seu trabalho?

Apaixonado, caótico e ao mesmo tempo sereno, adaptável mas rigoroso na minha forma de ver a arquitetura.

14 – Um projeto que gostaria de fazer.

A minha nova casa ou um aeroporto. Não é claro qual dos dois é o maior desafio para mim.

15 – A sua opinião da arquitetura espanhola.

Há profissionais muito bons.

16 – Como manter um estilo próprio, satisfazendo as necessidades dos seus clientes?

Muitas vezes, os meus clientes vêm ter comigo porque viram projetos meus anteriormente, interessando-lhes que desenvolva o meu estilo. Assim, ser eu próprio facilita.

17 – Em arquitetura, o que é que faz melhor e o que lhe custa mais?

O momento da criação, de compreender o espaço e moldá-lo é muito interessante. As obras por vezes complicam-se.

18 – A sua receita para o êxito.

Sê tu próprio.

19 – Que papel desempenham os produtos naturais nos seus projetos?

Um papel indispensável de ligação à minha linguagem arquitetónica.

20 – O seu produto-estrela da L’Antic Colonial é…

A pedra natural e a madeira, que foi o que escolhi para o último projeto que realizei para a marca.

Enviar um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


*

Would you
like us
to inspire your
interior space?

 Professional Individual