O CADERNO DE Alberto Martínez

Alberto Martínez - CuldeSac Espacio Creativo - Valência, Espanha

Seat Modular Cube Concept, Identity Clínica Dental, Urbatek Showroom, L’Antic Colonial showroom, Bimini…

1 – Quem é Alberto Martínez?

Alberto Martínez é pai de Alberto Martínez, filho de Alberto Martínez e neto de Alberto Martínez.
E como membro fundador do CuldeSac™ e diretor criativo de espaços, Alberto desenvolve uma metodologia própria de trabalho e investigação no domínio da arquitetura e do design de interiores, cujo objetivo é criar projetos memoráveis a partir de novos vetores de experiência.

2 – Quando descobriu que queria dedicar-se ao design?

Não o descobri. Procurei-o e aqui estamos.

3 – Uma referência no design…

Teria de procurar no Google…mas poderia ser Luis Montero, Ferrán Adrià ou Anatxu Zabalbeascoa.

4 – Se não fosse designer, ter-se-ia dedicado a…? 

A arquitetura. O mesmo cão com uma coleira diferente.

5 – Um defeito e uma virtude.

Só um? Não sei ler.
E uma virtude…a criatividade ao serviço da estratégia.

6 – Como é a sua casa?

Familiar e vivida.

7 – O domingo é o dia para… 

A paelha e a tertúlia…grande dia!

8 – Um lugar onde procure inspiração.

Todos os lugares são bons. Basta saber desfrutá-los.

9 – Qual foi o último livro que leu? 

Não leio. Vejo documentários; o último: Five days to dance, nomeado para os prémios do Festival de Cinema de San Sebastián e dirigido por um amigo de infância, Rafa Molés.

10 – Daqui a 15 anos…

Adoraria voltar a responder a esta entrevista e deleitar-me a ver as sete diferenças.

11 – Quando pensa em design, o que lhe vem à cabeça? 

Estilo de vida, amigos e liberdade.

12 – Lápis ou computador?

Lápis de madeira de ébano, edição limitada do 0,7, prenda dos meus companheiros de trabalho no meu 38.º aniversário.

13 – Como definiria o seu trabalho? 

Defini-lo-ia como design baseado na experiência, que rompe com as fronteiras das leis da perceção e é influenciado pela cultura mediterrânica, sempre com objetivo de converter esse trabalho num estilo de vida.

14 – Um projeto que gostaria de fazer. 

O interior de um barco, para aprender e melhorar as relações interpessoais em espaços exíguos e necessariamente funcionais.

15 – A sua opinião do design espanhol. 

Engenhoso e fresco.

16 – Como manter um estilo próprio, satisfazendo as necessidades dos seus clientes?

Mantendo o cliente como ingrediente fundamental para o construir.

17 – No seu trabalho, o que é que faz melhor e o que lhe custa mais? 

Colocar as ideias numa folha A3 é o que gosto mais. O que mais me custa é falar de dinheiro, embora com os anos fiquemos mais espertos.

18 – A sua receita para o êxito. 

Escutar, partilhar e não parar de aprender.

19 – Que papel desempenham os produtos naturais nos seus projetos?

Não mais do que se exija no momento, mas é certo que é um luxo trabalhar com eles.

20 – O seu produto-estrela da L’Antic Colonial é… 

Mauricio Inglada. O resto vem por arraste.

Enviar um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


*

Would you
like us
to inspire your
interior space?

 Professional Individual