EL CUADERNO DE Raquel Chamorro

EL CUADERNO DE Raquel Chamorro

Raquel Chamorro López-Montes - Estudio Raquel Chamorro - Madrid

Millesime Madrid 2013, Bodegas Loranque, Moradia unifamiliar de 4 pisos, Vivienda de Pozuelo, Palácio afrancesado em país árabe, Palacete no Barrio de Salamanca.

1 – Quem é Raquel Chamorro?

Uma pessoa com uma vontade incansável de saber, estudar e depois poder projetar à sua maneira.

2 – Quando descobriu que queria ser designer de interiores?

Não me lembro. Comecei a estudar arte e todos os cursos e mestrados estavam encaminhados para o mesmo fim.

3 – Uma referência no design de interiores…

Falaria mais de épocas e estilos. Louis XV, Sheraton, Biedermeier…dos que me influenciaram. Parece-me quase impossível inovar sem conhecer o passado.

4 – Se não fosse designer de interiores, ter-se-ia dedicado a…?

Qualquer outra atividade artística, uma vez que todas me apaixonam.

5 – Um defeito e uma virtude.

Obsessão por atingir a “perfeição”. Ser muito mais tolerante com os outros do que comigo.

6 – Como é a sua casa?

Um lar com espaços abertos. Muito eclético.

7 – O domingo é o dia para…

Ir à missa, aperitivos, comida, exposições, cinema…sempre em família.

8 – Um lugar onde procure inspiração.

A inspiração nunca se procura. Absorvemos a beleza através de ópera, pintura, escultura, viagens, moda, antiquários…quando menos esperamos, aparece!

9 – Qual foi o último livro que leu?

Vento Leste e todas as noites leitura sobre arquitetura, design, artes menores e outras.

10 – Daqui a 15 anos…

Continuar a transmitir ilusão e magia através dos meus espaços.

11 – Quando pensa em design de interiores, o que lhe vem à cabeça?

Volumetrias, gamas cromáticas e materiais novos.

12 – Lápis ou computador?

Esferográfica! Tenho os melhores artistas gráficos…

13 – Como definiria o seu trabalho?

Limpo mas tépido, procurando o equilíbrio e a harmonia. Simbiose entre tradição e inovação.

14 – Um projeto que gostaria de fazer.

O hotel de 6 estrelas e o ambiente de todos os cenários de um filme. Vou começar ambos em 2014.

15 – A sua opinião do design de interiores espanhol.

Temos gente muito profissional, mas não se internacionalizam o suficiente.

16 – Como manter um estilo próprio, satisfazendo as necessidades dos seus clientes?

Não são mutuamente exclusivos…andam de mãos dadas. Os clientes conhecem perfeitamente o meu estilo.

17 – No seu trabalho, o que é que faz melhor e o que lhe custa mais?

Criar, procurar o fio condutor, o leitmotiv, entusiasmar. Odeio falar de números.

18 – A sua receita para o êxito.

Empatia, uma boa bagagem cultural e estar em dia numa profissão que é totalmente multidisciplinar.

19 – Que papel desempenham os produtos naturais nos seus projetos?

São muito importantes. Na prática, estão sempre presentes.

20 – O seu produto-estrela da L’Antic Colonial é…

Lavatório Phuket Bioprot, tanto em acabamento Brown Stone como Grey Stone.

Enviar um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


*

Would you
like us
to inspire your
interior space?

 Professional Individual